Como você está se sentindo? Triste, abatido, frustrado, vivendo algum momento de sofrimento? 

O sofrimento é a ação ou processo de sofrer, sendo assim ele pode ser caracterizado pela sensação de dor, mal-estar e infelicidade em uma pessoa.

Este sentimento está associado a coisas negativas, mas qualquer condição pode causar sofrimento, uma vez que ela pode ser subjetivamente negativa para você.

Tal sentimento é capaz de nos ensinar questões como: a relação entre dor e esperança, como exercitar a gratidão em meio ao sofrimento, a prática do desapego e do fardo da culpa.

Você precisa tornar esse sentimento algo positivo, que deixe de paralisar a sua vida, para isso é preciso descobrir o sentido do seu ser autêntico e não do seu ser do ego.

Libertar-se do seu ego, significa libertar-se da sua identidade construída, crenças, ideias, desejos e apegos construídos, é necessário se libertar do jeito egoico de pensar. E por que se libertar é tão importante?

O seu ser do ego mantém o seu sofrimento. 

O ego tem o poder de nos manter apegados a status, formas antigas de pensar e crenças limitantes, ele nunca estava satisfeito e quando achamos erroneamente que o sofrimento por algo ou alguém terminou, o ego vem e nos coloca um novo motivo para sofrer.

Para entender melhor como se libertar e viver verdadeiramente o seu eu autêntico assista ao vídeo que o Dr, Stephen Paul Adler nos ensina sabiamente sobre como deixar de estar comprometido com o sofrimento e deixar de lado o seu ser do ego. 

Confira clicando aqui.