Quem procura sessões de coaching, com certeza, busca atingir resultados satisfatórios em determinado período de tempo. Nesse caso, é responsabilidade do profissional coach aplicar as ferramentas e técnicas para possibilitar soluções para o dilema em questão. É aí que surge a oportunidade de aplicar a hipnose ericksoniana, capaz de reduzir a dificuldade de lidar com problemas. Vamos falar um pouquinho sobre um coach que tentou hipnose com o coachee?

 

Antes de mais nada, vale a pena ressaltar que a hipnose ajuda a acessar a mente inconsciente, que é a responsável por 95% das nossas mudanças e nem nos damos conta disso. Ela é utilizada para tratar dores crônicas, vícios, fobias, traumas e muitas outras. Claro, o coachee tem que aceitar e confiar em todo o processo. Mas vamos voltar ao coach que tentou hipnose

 

Dificuldade de liderar

  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

Um coach de liderança trabalha com muitos desafios, entre eles, entender o porquê de seu coach não conseguir ser assertivo, se comunicar bem, coordenar sua equipe, alcançar suas metas, etc. É muito comum um cliente aparecer com um ou com todos esses problemas, procurando ajuda para resolvê-los. E foi assim que se deu o caso em questão.

 

Certo dia, um coch de liderança recebeu um cliente que queria melhorar a capacidade de liderança para se destacar dentro da empresa e alçar melhores posições dentro da organização. A grande dificuldade era de ser assertivo no que desejava, comunicar da melhor maneira para a equipe, continuar sendo empático sem perder a postura de chefe. O desafio, então, foi lançado ao coach.

 

O profissional seguiu os caminhos corretos. Iniciou a entrevista para conhecer melhor o coachee, aos poucos conquistou a confiança e se aprofundou na história de vida dele. Lembrando que cada pessoa é uma, então é fundamental conhecê-la. Nesse tempo, ele entendeu que o grande problema era a insegurança, mas não sabia de onde vinha isso para compreender como superar. Foi aí que ele tentou a hipnose.

 

Depois de explicar os benefícios da hipnose ericksoniana, dizer que o coachee estaria em estado de consciência e poderia aceitar ou não tudo o que aconteceria na sessão de hipnose, foi dado o início. Assim, o coach criou um ambiente propício ao relaxamento do seu cliente.

 

O famoso transe hipnótico, nada mais é do que um estado de profundo relaxamento em que o coach consegue investigar melhor o consciente e o inconsciente do seu cliente. Quando ele entra nesse estado de transe, o coach utiliza histórias e metáforas para fazer sugestões. No caso relatado, o coach explorou histórias de superação, de segurança e autoestima. Tudo isso, foi direto no inconsciente do coachee, que entendeu muito bem o significado daquelas palavras.

 

Com as palavras certas e dominando as ferramentas da hipnose ericksoniana, o processo de coaching estimula e incentiva ainda mais ações fáceis de se praticar também fora do consultório. Por isso, é fundamental que o profissional seja realmente certificado como hipnoterapeuta.

 

Entendendo a possibilidade de uma comunicação mais efetiva e de não precisar ter mais medo de aceitação, o coachee entendeu que é capaz de realizar as mudanças necessárias para se tornar um grande líder e, mais do que isso, durante as várias sessões de coaching, conseguiu se autoconhecer para entender de onde vinha a insegurança e como superá-la. Tudo isso, de forma muito mais eficaz porque o coach tentou a hipnose.

 

Esperamos que este artigo tenha te ajudado a entender como a hipnose ericksoniana faz toda a diferença no coaching. Se você quer saber mais sobre o assunto e também se tornar um hipnoterapeuta, entre em contato com o ACT Institute, clicando aqui!

 

Até a próxima!

Equipe ACT Institute