Você já deve ter visto cenas em que um hipnotizador balança um pêndulo em frente ao olhar de uma pessoa para hipnotizá-la, depois de algum tempo o indivíduo fica totalmente a mercê de cumprir regras determinadas pelo hipnólogo, fazendo um verdadeiro show para a plateia. Esse tipo de hipnose é chamada de HIPNOSE DE PALCO. 

Nela o hipnólogo usa técnicas com a única finalidade de entretenimento, deixando o convidado totalmente disponível às suas vontades em um estado de transe em que não se tem controle sobre seus atos.

Esse tipo de hipnose nada tem a ver com a HIPNOSE CLÍNICA CLÁSSICA, em que o paciente, mesmo em transe, está totalmente consciente de seus atos, recebendo comandos diretos de ação, baseados em uma metodologia/protocolo padrão. Ou seja, na Hipnose Clássica o hipnoterapeuta é o protagonista do processo, orientando seu paciente através de comandos diretos.

Na HIPNOSE ERICKSONIANA o hipnoterapeuta convida o indivíduo a entrar em estado de relaxamento profundo. O paciente fica totalmente consciente e por meio de direcionamentos que variam para cada pessoa, o profissional sugestiona algumas ações a fim de fazê-lo buscar em sua mente inconsciente a cura ou resolução de seus problemas e traumas. Nessa variante da Hipnose, o  hipnoterapeuta está preocupado em manter uma relação de confiança com o paciente.

Portanto, a hipnose de palco não oferece benefício algum, servindo apenas para causar risos, constrangimentos e vergonha totalmente voltadas a diversão de quem assiste o espetáculo. E estes sentimentos são, exatamente, o contrário do que a Hipnose Ericksoniana busca.

Infelizmente poucas pessoas conhecem o poder de cura da hipnose e essa é  missão do ACT Institute, divulgar os benefícios que a Hipnose pode trazer a nossa vida.