• Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

É muito raro alguém dizer que nunca ficou estressado, seja pelo trânsito, instabilidade no emprego, a violência, entre outros fatores com que nos deparamos cotidianamente. Mas quando alguém se mantém continuamente estressado, fazendo parte da rotina, pode ser que tenha se transformado em estresse crônico e, neste caso, as reações do corpo e os sintomas não vão embora, o que a vida e coloca a saúde em risco, principalmente por conta da ansiedade e depressão.

O que é estresse crônico?

Como dissemos acima, nesse caso, os sintomas não vão embora, ou seja, são constantes. Podem aparecer na forma de irritação, medo, desconforto, preocupação, nervoso, frustração, entre outros. Algumas vezes, inclusive, a causa para o estresse é desconhecida, vem apenas as reações físicas e emocionais.

Você já parou para pensar na dificuldade de quem tem estresse crônico? Estamos falando sobre a impossibilidade de passar dias tranquilos, causando muito cansaço, tanto físico quanto mental.  A pessoa fica completamente desgastada e, muitas vezes, não tem forças para realizar tarefas simples como tomar banho, fazer uma refeição e se concentrar. Como dissemos, acaba se tornando um perigo por acarretar doenças como a depressão.

O estresse crônico faz com que alguns hormônios, principalmente o chamado cortisol, entrem em ação. Se ele ficar elevado durante dias ou até semanas, o organismo começa a ficar sobrecarregado, o que é extremamente prejudicial. Por isso, podem aparecer diversos sintomas, como:

  • fadiga
  • desgaste
  • mal estar
  • cansaço
  • esgotamento
  • aumento da vigilância
  • dificuldade em relaxar e descansar
  • desânimo
  • tristeza
  • sensação de fracasso
  • dificuldade de sentir prazer
  • alteração do sono.

    • Facebook
    • Twitter
    • Google+
    • LinkedIn

Como tratar o estresse crônico?

O estresse crônico pode ser desenvolvido em alguns momentos específicos e importantes, gerados por conta de preocupação, ansiedade e apreensão, por exemplo. Ter um filho, mudar-se para uma casa nova, casar-se, mudar de emprego, são alguns motivos comuns, então é importante tentar identificar o que está causando isso.

É necessário levar em consideração que aquilo que funciona para uma pessoa, pode não ser indicado a outra. Então não se martirize e nem fique procurando soluções realizadas pelos outros, e sim aquilo que te faz bem. Faça exercícios, tenha uma dieta saudável, durma bem, faça meditação e procure um médico ou terapeuta para te ajudar a melhorar as condições do estresse crônico.

Uma outra dica é fazer a hipnose ericksoniana e se comunicar com o seu inconsciente, buscando resoluções para aquilo que te causa o estresse crônico. Não estamos falando de milagres, mas de trabalhar o autoconhecimento e autoestima com uma parte da mente responsável por 95% das nossas mudanças.

Quer saber mais sobre isso? Clique aqui e baixe gratuitamente o e-book “A Hipnose Ericksoniana – O Poder da Comunicação com o Inconsciente˜.

Grande abraço e até a próxima!

Equipe Act Institute