O mundo moderno está cada vez mais competitivo. Houve um aumento na demanda de tarefas e uma diminuição de prazos. Essas consequências acabaram causando um estado de tensão na rotina dos profissionais. A ansiedade já afeta milhões de pessoas anualmente — no Brasil, 9,3% da população é afetada, deixando-o no primeiro lugar do ranking mundial divulgado pela OMS

No trabalho, os principais pontos que devemos nos atentar são rotina, demanda e a pressão que colocada sobre os ombros dos funcionários. Outras questões pessoais que envolvem o estilo de vida também são fatores determinantes para o desenvolvimento dessa condição.

A partir de agora, iremos falar sobre o que é a ansiedade e como você pode controlá-la com alguns passos simples que podem ser incluídos em sua rotina.
Pronto para saber mais? Continue sua leitura!

O que é a ansiedade? 

A ansiedade é natural e inerente a cada ser humano. Ela é uma emoção normal que toda pessoa expressa durante a vida, em especial nos momentos de dúvida ou problemas cotidianos.

Apesar de comum e natural, essa emoção pode se transformar em um problema quando a sua intensidade é exacerbada e a sua frequência passa a ser constante no dia do indivíduo, principalmente quando ele não está sob nenhuma situação de risco ou que envolva um medo aparente.

Quando a ansiedade se torna crônica, respostas físicas podem acontecer e é, justamente, nesse momento que a pessoa pode começar a sentir os principais sintomas da doença, que envolvem desde batimentos cardíacos acelerados até tontura, vertigem, tensão muscular e formigamentos.

Para aqueles que atingiram tal ponto, ressaltamos que é importante que seja feito um tratamento para restauração da qualidade de vida. A hipnoterapia, para essa situação, tem se mostrado eficaz para os indivíduos que sofrem da doença. Sem tratamento, a ansiedade crônica pode levar à síndrome do pânico e a outras doenças como o transtorno de ansiedade geral – muitas vezes chamada de TAG.

Ok, você agora já sabe o básico… Vamos ver como isso o afeta no ambiente de trabalho!

No trabalho a ansiedade pode ter diversas causas. As principais são: prazos apertados, preocupação demasiada e o excesso de responsabilidade. Cada um desses pontos contribui para o surgimento do transtorno que, com o passar do tempo, afeta o rendimento profissional e até mesmo a qualidade de vida de um indivíduo.

Veja como cada uma dessas causas pode agravar a sua ansiedade.

  • Prazos apertados

Prazos apertados, por natureza, são capazes de trazer uma resposta de ansiedade para praticamente todo indivíduo. Se falarmos de questões esporádicas, dificilmente essa circunstância pode ser capaz de criar algum efeito negativo na saúde mental de uma pessoa saudável.

Todavia, se os prazos apertados se tornarem repetidos e muito frequentes, certamente podem acarretar no desenvolvimento de um quadro de transtorno.

  • Preocupação demasiada no trabalho

A preocupação demasiada talvez seja uma das causas menos arriscadas. É comum no mundo moderno as pessoas ficarem completamente preocupadas com o seu futuro dentro do quadro de funcionários e até mesmo com o seu futuro no mundo corporativo no geral.

Essa causa pode ser rapidamente tratada com uma psicoterapia. Inclusive, ressaltamos que provavelmente o indivíduo que sofre com esse tipo de preocupação deve também sofrer com outras questões parecidas em outras áreas da sua vida. O importante é ficar atento e observar quais são os momentos de maior preocupação para que você possa avaliar o seu caso.

  • Excesso de responsabilidade

O excesso de responsabilidade no trabalho também é outra causa “campeã” na indução de um quadro de ansiedade crônica. Profissionais que possuem mais de uma função ou que precisam cuidar de várias pessoas ao mesmo tempo, em uma frequência diária, são fortes candidatos a terem uma disposição ao transtorno de ansiedade.

Se a profissão envolver riscos à saúde, os riscos são ainda maiores. O preparo psicológico para desempenhar, seja qual for a função, deve ser levado em consideração e tido como prioridade para que a pessoa em questão diminua os riscos do transtorno. E falando no preparo psicológico, abaixo nós mencionaremos alguns dos principais hábitos que podem ajudar a controlar a sua ansiedade!

Faça pausas curtas e regulares durante sua rotina

Trabalhar de maneira ininterrupta por longas horas pode ser prejudicial para seu rendimento profissional e principalmente para sua saúde. Pequenas pausas programadas durante o seu dia lhe darão mais disposição e mais energia para que você consiga enfrentar o seu dia; O recomendado é que a cada uma hora de trabalho você faça uma pequena pausa de até 10 minutos. Esses pequenos momentos são o suficiente para diminuir o seu estresse e a sua ansiedade.

Defina suas prioridades

Não há nada pior do que ter dezenas de tarefas para serem realizadas durante o dia sem saber por onde começar, não é mesmo? No mundo corporativo isso é muito comum, principalmente em cargos que exigem que você gerencie o trabalho de outros colaboradores. A dica aqui é que você faça uma lista de tudo aquilo que você precisa fazer com uma ordem de prioridades. Dessa forma terá um maior controle sobre aquilo que é realmente importante.

Elimine a procrastinação da sua vida

Todos nós protelamos alguma coisa. Entretanto, assim como a ansiedade, quando passamos a procrastinar por longas horas é que esse fato “normal” se torna um verdadeiro monstro criador de estresse. A solução para esse problema? Uma organização do seu local de trabalho e, principalmente, a criação de um hábito que aumente a sua eficiência na função.

Normalmente, pequenas recompensas (como as pausas que citamos acima ou mesmo um bombom ocasional) são excelentes para que você trabalhe sem nenhuma interrupção! Não se esqueça de “blindar” o seu ambiente contra todas as distrações!

Faça uma atividade física antes ou após o trabalho

Por fim, exercite-se com frequência. Uma atividade física — seja ela qual for — é capaz de diminuir o seu estresse, seus níveis de ansiedade e melhorar a sua saúde e disposição para enfrentar a rotina semanal. Escolha um esporte e procure praticá-lo algumas vezes na semana. Você rapidamente verá excelentes resultados na sua qualidade de vida!

Você sofre (ou acha que) de ansiedade e está em busca de mais informações?
Entre em contato conosco!

Gostou deste post? Compartilhe com seus amigos e veja nossas demais matérias!