Uma das grandes dificuldades da vida moderna é ter boas noites de sono. Dar ao corpo as horas de sono necessárias para manter a saúde física e mental acaba em missão fracassada na maior parte dos dias. O que não se pode esquecer é que dormir bem é fundamental para restabelecer diversas funções químicas do organismo e até mesmo evitar doenças, sem contar que nos ajuda a manter o foco, bom humor e memória funcionando.

 

Para ter boas noites de sono como algo normal, é preciso driblar os problemas mais comuns que afetam a noite bem dormida e seguir alguns hábitos diários. Separamos 10 deles para você:

 

 

  1. Crie uma rotina de sono

  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

 

Um hábito muito importante é dormir e acordar no mesmo horário todos os dias – inclusive nos fins de semana e feriados. Se você não está acostumado com isso, vale a pena ter um alarme no celular para lembrar que horas deve ir para a cama.

 

  1. Descubra o seu ritmo

  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

Esse papo de 8 horas de sono por dia pode ser ótimo… mas não para todo mundo. É importante se lembrar que cada pessoa é uma e pode necessitar de quantidades distintas de sono para ficar bem. Tudo isso interfere nas boas noites de sono, portanto, o ideal é se conhecer.

 

  1. Nada de TV

  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

Desligue a TV uma hora antes de se deitar para dormir – isso também serve para computadores e celulares – porque eles excitam o cérebro e te deixam mais ligados, ou seja, vai demorar para relaxar. De preferência, nem tenha TV no quarto, mas apenas na sala.

 

  1. Não enrole na cama

Teen_using_smartphone_millann_Getty_Images
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

Sabe quando o sono não vem e você fica enrolando na cama? Pois é, isso está muito errado! Para ter boas noites de sono, é importante não ficar mais ansioso e agitado, pelo contrário, é fundamental levantar e fazer alguma atividade para dispersar o cérebro até focar em algo que relaxe. A indicação é deixar a luz baixa e ler um livro, por exemplo.

  1. Crie um ambiente escuro

  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

Deixe somente o abajur ligado e apague todas as outras luzes. De preferência, deixe uma luz laranja, porque a cor favorece o sono. Caso não tenha abajur, mantenha as luzes apagadas, porque o escuro facilita o sono.

 

  1. Cochile depois do almoço

  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

Se for possível, dê uma dormidinha de 10 a 30 minutos logo após o almoço, isso vai te ajudar a descansar, mas o suficiente para não “roubar” o sono da noite.

 

  1. Nada de café até as 17h

  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

O café, assim como a coca-cola e o chá preto são considerados alimentos estimulantes, ou seja, que tiram o sono. Assim, o ideal é não consumi-los após as 17 horas e optar por alimentos que favorecem o sono, como um copo de leite ou uma taça de vinho tinto.

 

  1. Durma confortavelmente

  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

É importante preparar o ambiente antes de dormir, tanto com relação à claridade quanto temperatura. Coloque lençóis limpos, um pijama confortável e um bom travesseiro que diminua a tensão nas costas e pescoço. Tudo isso vai colaborar muito para boas noites de sono.

 

  1. Pratique exercícios físicos

  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

Exercitar-se é essencial para a saúde. Além de ativar o metabolismo, produzir os hormônios necessários e aumentar o fluxo sanguíneo, também ajuda a aliviar o estresse e a ansiedade, que sempre atrapalham as noites de sono.

 

  1. Esvazie a mente

  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

É preciso desacelerar o corpo e a mente. Ficar remoendo preocupações atrapalha o sono, portanto, coloque músicas com som ambiente, por exemplo, para esvaziar a mente. Isso vai contribuir para o descanso.

 

Espero que este artigo tenha te ajudado! Se você seguir essas dicas, com certeza, terá boas noites de sono. Com isso, a sua saúde, qualidade de vida e bem-estar melhorarão muito!

 

Continue acompanhando o blog para informações e nos siga também nas redes sociais!

Grande abraço,

Equipe ACT Institute